terça-feira, 8 de janeiro de 2008

2008 de Liberdade

Às vezes, começamos pelo fim, é a leve sensação que tenho deste princípio de ano.

Parece-me que este dois mil e oito me encaminha a um estado de liberdade, 2007 foi sem dúvida, um dos anos mais difíceis da minha vida, não me dou nada bem na prisão da estagnação.

A liberdade paga-se cara e é preciso ter a coragem de lutar por ela, de a querer conquistar. Nem sempre nos é possível desfrutar da lucidez de sabermos quem somos e assim termos alguma, mesmo que pouca, noção daquilo que queremos. Para sermos livres precisamos de ir para além das camadas do “parecer”, das mascaras que usamos para nos disfarçar daquilo que às vezes nem sabemos que somos, das pressões da educação e da necessidade de sermos aceites nem sabemos às vezes pelo quê. É muito trabalhosa a luta connosco próprios e sai-nos cara porque o apego é o pior hábito que existe, despegar-nos (ou mesmo "despRegarmo-nos") seja lá do que for requer muita força de vontade. Mas não há nada melhor que a sensação de ser livre. O corpo sente, cheira, vê e envolvem-se os nossos sentidos com o do cosmos. O que é que pode ser melhor do que esta espécie de embriaguez constante, desta sensação de estarmos dissolvidos naquilo que nos rodeia?

A liberdade nunca é estática e podemos deixar-nos levar...acreditam no destino?

Não sei bem se existe um único predefinido, acredito melhor que o vamos fazendo numa luta ocasional e por vezes constante com o apego às coisas aparentemente confortáveis mas que não nos levam a lado algum. Talvez o objectivo não seja o fim mas sim o caminho que escolhemos para “lá” chegar, esse caminho a que chamamos VIDA, será?

Seja lá o que for, espero conseguir ter sempre a coragem necessária para me contrariar, quando por vezes a ilusão me engana e desse tal caminho me quer desviar. "En garde" Barbarela, liberta-te daquilo que não te interessa.

E viva este 2008 que me parece começar bem!

1 comentário:

johnnybgood disse...

Em princípio é fácil, ora vejamos:
Em cada página do youtube, surge do lado direito um sítio que diz: "embed", basta seleccionar todo o texto de código html que está nessa caixa, copiá-lo para a página onde queremos pôr o video (copy/paste) e pronto, já está! O vídeo deve aparecer no local para onde copiámos todo aquele código