segunda-feira, 21 de abril de 2008

Vai, vem, vai, não vem.

O que vem, vai. E algumas coisas nunca voltam, por isso é que se queremos que fiquem, devemos fazer com que não se vão. E se forem, se forem e não voltarem...é porque "acabarem"...!


Fim

2 comentários:

Nuno disse...

olá! Como quem diz..."há mar e mar, há ir e voltar"... as coisas que queres guardar, fecha-as a sete chaves no teu pensamento, o que queres soltar e não voltar a recordar, não recordas... beijos

lampâda mervelha disse...

Há cousas que queremos.. mas que as mesmas querem ir...