terça-feira, 23 de setembro de 2008

Aceitam-se respostas...

E quando deixamos de ser aquilo em que acreditamos, passamos a ser o QUÊ?

5 comentários:

Lagoas disse...

Respostas não tenho mas posso sempre sugerir uma reflexão sobre a causalidade da perda!

b disse...

Sobre esse tema talvez começasse o texto com o célebre ditado, "águas passadas não movem moinhos", ou então com uma outra, "reconhecer um erro é o primeiro passo para o resolver". Seja como for, as experiências, boas ou más, podem sempre ser utilizadas para crescimento pessoal e social. É uma questão do querer. Como é meu costume dizer, "a força vem da vontade".

Obrigada pelo comentário. Espero que a minha resposta te seja útil.

malagueta disse...

fast food.
nada mais, nada menos...

b disse...

Se não for isso, deve andar por lá perto. Boa, malagueta!

manuel correia disse...

chama-se a isso atingir a iluminação!
e passamos a ser o que somos...